Mato Grosso,

sábado, 25

de

maio

de

2024
No menu items!


 

InícioDestaquesTrio é preso acusado de furtar lençois, óleos corporais, baralho e mais...

Trio é preso acusado de furtar lençois, óleos corporais, baralho e mais itens de comércios

Gazeta Digital

Receba as informações do ATUALMT através do WhatsApp:
Clique aqui para receber as notícias no seu WhatsApp.

Um trio, formado por dois homens e uma mulher, foi preso em flagrante pela Polícia Civil, no final da tarde de quinta-feira (18), por envolvimento em diversos furtos em municipios da região norte do estado durante ação realizada pelos policiais da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) de Várzea Grande.

Segundo as investigações, os suspeitos alugaram um veículo Hyundai HB20 e seguiram para região norte do estado para prática de pequenos furtos em diferentes estabelecimentos.
Durante os dias que ficaram no interior, os criminosos praticaram diversos crimes, entre eles, um furto de lençóis em uma loja de departamento em Nova Mutum, ocorrido na terça-feira (16), furto de caixas de baralho, na noite de quarta-feira (17), em um bar em Sorriso.

Na manhã de quinta-feira (18), os suspeitos subtraíram 10 jogos de cama de um supermercado, também na cidade de Sorriso.

Com informações de que o trio estava se deslocando para a cidade de Várzea Grande, a equipe de policiais da Derf-VG iniciou as diligências, conseguindo interceptar o carro utilizado pelos investigados na MT-010.

No interior do veículo, os policiais encontraram diversos produtos de furtos como lençóis, tênis, óleos para o corpo, videogame, roupas, cadeados, entre outros.

Em contato com um dos estabelecimentos vítima de furto em Sorriso, não só foi confirmada a ocorrência do furto, como foram encaminhadas imagens de câmeras de segurança que evidenciaram a autoria e materialidade do crime praticado pelo trio.

Diante das evidências, o delegado da Derf-VG, Alexandre da Silva Nazareth, lavrou o flagrante contra os suspeitos pelo crime de furto qualificado e associação criminosa.

As investigações seguem em andamento para identificar outros possíveis crimes praticados pelos criminosos. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias