Mato Grosso,

sexta-feira, 19

de

agosto

de

2022
No menu items!


 

InícioCidadesCliente desacata PM, diz que é parente de desembargador e acaba preso...

Cliente desacata PM, diz que é parente de desembargador e acaba preso por não pagar corrida

Gazeta Digital

Um homem de 40 anos foi preso na madrugada deste sábado (6) ao negar pagar corrida de motorista de aplicativo e desacatar policiais. Antes, ele tinha se envolvido em briga na Orla do Porto, em Cuiabá.

Conforme narrativa policial, a equipe foi chamada pelo motorista, nas imediações da Caixa d’água do bairro CPA, em Cuiabá.


O trabalhador narrou que pegou o passageiro na Orla e o destino era o CPA. Chegando ao endereço final, o cliente se negou a pagar corrida de pouco mais de R$ 20. Diante da negativa ele chamou os militares.


Foi tentado resolver a confusão no local, mas o homem passou a desacatar os agentes. Dizia que era parente de desembargador do Tribunal de Justiça e promotor do Ministério Público. Com a influência citada, ele poderia “prejudicar” os militares.


Diante do descontrole do homem, os policiais tiveram que algemá-lo para levar até a Central de Flagrantes.

Receba as informações do ATUALMT através do WhatsApp:
Clique aqui para receber as notícias no seu WhatsApp.


O homem tinha machucados pelo corpo e disse que era por conta de briga na qual se envolveu na Orla.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias