Mato Grosso, 19 de outubro de 2019

Com 5% de chance de sobreviver, paciente com câncer e aneurisma fica curada em MT

Alice Santana, de 58 anos, ganhou uma nova chance após uma cirurgia inédita, para sanar 95% de obstrução total da artéria carótida – uma das responsáveis pelo bombeamento sanguíneo do coração ao cérebro ocasionada pela doença denominada estenose de carótida, ser realizada no Hospital Municipal São Benedito, em Cuiabá. Ela ficou um longo período internada, após luta contra o câncer de mama e dois procedimentos por conta de aneurismas.

Comparada a uma “bomba relógio”, o sucesso da recuperação da paciente, que tinha apenas 5% de chances de sobreviver à patologia, que é a terceira maior causa de Acidentes Vasculares Cerebrais (AVC) e responsável por mais de 50 milhões de mortes por ano em todo o mundo, se deu ao uso do aparelho de hemodinâmica – credenciado junto ao Ministério da Saúde no fim de agosto.

“O medo da morte era meu maior companheiro durante todo esse tempo. Fui vencendo doença a doença, até que eu e minha família soubemos que minha única saída para a estenose era o uso da hemodinâmica. Não tínhamos como pagar a cirurgia, que custa de R$ 280 a 300 mil. Mesmo que eu vendesse minha casa e meu carro jamais conseguiria pagar. Mas, graças à sensibilidade da gestão que buscou o credenciamento, minha angústia chegou ao fim. Agora, outros mato-grossenses poderão ter a chance de serem curados como eu fui. Se eu pudesse dar uma nota ao São Benedito por todos os atendimentos que recebi até aqui, seria mil”, contou emocionada.


1 thought on “Com 5% de chance de sobreviver, paciente com câncer e aneurisma fica curada em MT

  1. Sonia Vianna de Mello disse:

    Eu sou de Nova Mutum-MT e tbm fui atendida pelo Hospital São Benedito no setor Ortopédico e tbm dou nota 1000 para todos que me atenderam desde a recepção até os médicos do setor Ortopédico. Estão de Parabéns 👏 👏 👏 👏

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *